Figura icônica da dublagem brasileira será sempre lembrado por seu talento e personagens que marcaram a infância de gerações.

Nesta sexta-feira, dia 26 de abril, o mundo da dublagem brasileira foi impactado pela triste notícia do falecimento do renomado dublador José Santa Cruz. Com uma carreira repleta de sucessos e personagens marcantes, Santa Cruz deixou uma marca indelével no cenário artístico nacional.

José Santa Cruz, nascido em Picuí, na Paraíba, destacou-se ao longo de décadas de trabalho como um dos principais nomes da dublagem no Brasil. Sua voz icônica deu vida a personagens memoráveis, como Rubeo Hagrid da saga Harry Potter, Dino da série Família Dinossauro, o vilão Magneto em X-Man Evolution, Megatron em Transformes, Dr. Hilbert em Os Simpsons, o editor do Clarim Diário J.J. Jhonson na animação do Homem-Aranha, o Rei Randor em He-Man, o Sr. Omar na série Todo Mundo Odeia o Cris, entre muitos outros. Seu último trabalho foi Hiroshi Sato, em Avatar: A lenda de Korra (2014), série animada da Netflix.

O falecimento de José Santa Cruz foi recebido com profunda tristeza por seus fãs, colegas de profissão e pela indústria do entretenimento como um todo. Sua habilidade em dar voz a personagens tão diversos e sua dedicação ao ofício da dublagem foram admiradas por todos que tiveram o privilégio de conhecer seu trabalho.

Até o momento, a causa da morte de José Santa Cruz não foi divulgada. O legado deixado por ele, no entanto, permanece vivo através das inúmeras performances que encantaram e emocionaram gerações de brasileiros.

Morre José Santa Cruz, ator e dublador de personagens como Dino, Hagrid e Magneto | TV & Famosos | gshow

About The Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.