Navios da Marinha estarão abertos para visitação.

Os quatro navios de guerra da Marinha do Brasil atracaram na manhã desta sexta-feira (15) no Cais Comercial de Vitória. As embarcações, que estão realizando manobras militares de treinamento nas costas capixabas e do Rio de Janeiro, ficarão em Vitória até segunda-feira, mas amanhã (sábado), estarão abertos à visitação pública das 14h às 17h. Entrada franca.

Ao todo são 950 tripulantes nos quatro navios, sendo 200 na Fragata União F45, que é o mais antigo da esquadra e foi o primeiro a entrar no canal de Vitória. A Fragata Rademaker F49 conta com 280 marinheiros, e a Fragata Constituição com 235. O navio de Desembarque de Carros de Combate Almirante Saboia G25 também tem 235 tripulantes.

Características

Fragata Constituição (F42) – É a terceira embarcação da Classe Niterói, construída na Inglaterra.Fruto do Programa de Renovação e Ampliação de Meios Flutuantes, da Marinha, concebido na década de 1970 e que previa a construção de seis fragatas dessa classe. Foi incorporada à Marinha do brasil em 1978.

O navio esteve envolvido no resgate dos corpos e destroços do Vôo AF 447, junto com outras embarcações da Marinha brasileira.

Fragata F45 da Marinha do Brasil
Fragata F45 da Marinha do Brasil (Foto: Michael Bolzan)

Fragata União (F45) – Também um navio de guerra da Classe Niterói, porém, totalmente construída no Arsenal da Marinha do brasil, no Rio de Janeiro. Foi a última de sua classe a ser incorporada à Armada, em 1980.

Foi a última de sua classe a ser incorporada à Armada, em 1980. Em 2003 passou pelo processo de modernização, com substituição dos sistemas de armas e de detecção de submarinos por equipamentos de última geração.

Fragata Rademaker (F49) – É uma fragata da Classe Greenhalgh, da Marinha do brasil e foi aquirido da Marinha Real britânica. Leva o nome do Almirante Augusto Hamann Rademaker  Grünewald, queparticipou ativamente de Operações Navais durante a 2ª Guerra Mundial e foi Ministro da Marinha e vice-presidente da República durante o período militar.

Foi incorporado à Marinha do brasil em 1996 e, em 2013 foi concluído um processo de manutenção geral e revitalização, tendo sido incorporado ao sistema de armas os mísseis antinavio EXOCET MM-40.

Navio Almirante Saboia (G25) – É um navio de desembarque de carros de combate (NDCC). Seu nome é uma homenagem ao Ministro da Marinha, no período de 15 de março de 1985 a 15 de março de 1990, Henrique Saboia.

De fabricação inglesa, foi utilizado na Guerra das Malvinas e da Guerra do Golfo. Após, em maio de 2009, na cidade de Falmouth – Inglaterra, foi incorporado à Marinha do Brasil.


Michael Bolzan
Jornalista

 

About The Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.